segunda-feira, janeiro 27, 2014


Fragmentos de um Ser...

0


Esse ser que agora chora,
lamenta o que passou.
Fragmentado e dividido
não sabe mais o que foi.
Aguarda que alguém 
reconstrua sua memória
em pedaços que recolheu
e um dia guardou.
Cole, remonte, una tudo
e o ajude a ver
que tudo ainda restou.
A dor o transpassou 
seu dia de repente nublou.
Mas quem sabe 
ganhe de volta o amor,
a paz que agora precisa
e nunca almejou ?
O brilho dos olhos ainda 
não apagou,
a voz fraca e cansada
ainda não silenciou,
seus passos vacilantes 
que a outro rumo o levou
agora para casa 
no retorno Deus guiou.





0 comentários:

Postar um comentário